Trabalhamos com grandes e pequenos produtores, bem como com usinas e agregadores que compram deles. Ajudamos a construir uma compreensão prática do desempenho ambiental e social, junto com quaisquer lacunas ou problemas nas práticas atuais. Para os produtores, nos concentramos em suas próprias fazendas ou plantações. Já para usinas e primeiros agregadores, nós os ajudamos a entender a gama de diferentes produtores que os fornecem.

Nosso trabalho de produção responsável inclui:

  • Realizar avaliações de linha de base ou lacunas em relação aos padrões voluntários ou aos requisitos de clientes ou investidores
  • Realizar avaliações AVC e HCS para as áreas de produção existentes e para a nova produção planejada
  • Supporting community engagement and FPIC
  • Apoiar o envolvimento da comunidade e CLPI Ajudar os produtores a entender as questões e oportunidades relacionadas aos direitos dos trabalhadores e gênero
  • Apoiar o planejamento do uso da terra

Com base nesse entendimento, ajudamos a desenvolver planos de ação ou roteiros que definem as atividades e recursos necessários para fechar lacunas e resolver problemas, bem como planos de gerenciamento e monitoramento para gerenciamento contínuo. Isso geralmente inclui a oferta de treinamento e suporte contínuo para os funcionários, bem como apoio para que identifiquem os parceiros certos com quem trabalhar.

Com base em nossa abordagem ACRES, encorajamos os produtores e outros atores na base de produção a trabalhar além de sua própria produção, e os ajudamos a se envolver com iniciativas em todo o setor ou na escala de paisagem para resolver problemas sistêmicos ou fornecer suporte para o setor como um todo.

Produção e compra responsável

  • Estabelecer estratégias e políticas

    Estabelecer estratégias e políticas

    • A estratégia captura as aspirações e abordagens gerais da empresa, e deve ser regularmente avaliada
    • A política define compromissos de compra responsável e deve refletir as aspirações ambientais, sociais e de governança da empresa, bem como as expectativas de clientes, investidores, sócios acionistas, funcionários e outras partes interessadas
  • Conhecer a base de fornecimento

    Conhecer a base de fornecimento

    • Rastreabilidade: mapear a base de fornecimento para compreender onde a produção ocorre e quais são os produtores e fornecedores envolvidos
    • Avaliação de risco: compreender o risco de os compromissos de compra responsável não serem cumpridos na base de fornecimento
  • Planejar as intervenções

    Plan interventions

    Para tratar riscos identificados e para promover impactos positivos:

    • Plano de ação: abordagens, implementação, indicadores de desempenho, orçamento, recursos necessários, monitoramento e verificação
    • Priorização de ação, considerando toda a base de fornecimento
    • Colaboração e alinhamento para alcançar escala e maximizar impactos positivos
  • Engajar dentro e além das cadeias de fornecimento

    Engage within and beyond supply chains

    Executar as ações planejadas para volumes, fornecedores, paisagens e no setor:

    • Dentro das cadeias de fornecimento, para assegurar que os volumes cumprem os compromissos e que os fornecedores estão engajados
    • Além das cadeias de fornecimento, para tratar questões que não podem ser tratadas dentro cadeias de fornecimento individuais
  • Monitorar e relatar

    Monitorar e relatar

    Reconhecer a importância do monitoramento para assegurar que as ações sejam efetivas e que o progresso (ou a falta dele) seja compreendido:

    • Monitoramento interno: fazer revisões regulares, que trazem informação para as revisões de estratégia e plano de ação, onde necessário
    • Transparência: a informação sobre o progresso deve ser compartilhada publicamente para permitir a todas as partes interessadas compreender e monitorar o progresso

Based on our ACRES approach, we encourage producers and other actors in the production base to work beyond their own production, and help them to engage with landscape or sector-wide initiatives to address systemic issues or provide sector-wide support. 

  • ISF
    ISF
  • Nisshin Oillio
    Nisshin Oillio
  • IDH, The Sustainable Trade Initiative
    IDH, The Sustainable Trade Initiative
  • Landscale
    Landscale
  • The Accountability Framework Initiative (Afi)
    The Accountability Framework Initiative (Afi)
  • Ghana Rubber Estates Limited (GREL)
    Ghana Rubber Estates Limited (GREL)
  • Sudcam and Hevecam (Corrie MacColl)
    Sudcam and Hevecam (Corrie MacColl)
  • Okomu Oil Palm Plantation (SOCFIN)
    Okomu Oil Palm Plantation (SOCFIN)
  • Biase Plantations (Wilmar)
    Biase Plantations (Wilmar)
You are currently offline. Some pages or content may fail to load.